Solicite uma proposta

Quer saber mais sobre os produtos escriba? Nós entramos em contato:

×

Entenda o Plano Nacional de Internet das Coisas

outubro 22nd, 2019 notícia por

Foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) no dia 25 de junho de 2019 o Decreto nº 9.854, que trata sobre o Plano Nacional de Internet das Coisas (IoT) e a Câmera loT – órgão que tem como objetivo regular e incentivar a tecnologia no Brasil.

O Plano Nacional de IoT é um projeto do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), Ministério da Economia e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) em conjunto com a sociedade civil. O objetivo apresentado é promover mais segurança jurídica para que os brasileiros possam criar soluções mais corretas e eficientes.

O que é Internet das Coisas (loT)?

A Internet das Coisas se refere a conexão de objetivos do dia a dia com a internet, ou seja, objetivos com a capacidade de coletar e transmitir dados. Por exemplo, a televisão é um equipamento que era off-line e se transformou para o on-line. Agora imagine a iluminação de um local, as câmeras ou o ar-condicionado se conectando com a internet e oferecendo recursos extras, como comando de voz, operação a distância, entre inúmeras outras possibilidades.

Objetivos do Plano Nacional das Coisas

O Art. 3º do Decreto nº 9.854 aponta que os objetivos do plano são:

  • Melhorar a qualidade de vida das pessoas e promover ganhos de eficiência nos serviços, por meio da implementação de soluções de IoT;
  • Promover a capacitação profissional relacionada ao desenvolvimento de aplicações de IoT e a geração de empregos na economia digital;
  • Incrementar a produtividade e fomentar a competitividade das empresas brasileiras desenvolvedoras de IoT, por meio da promoção de um ecossistema de inovação neste setor;
  • Buscar parcerias com os setores público e privado para a implementação da IoT; e
  • Aumentar a integração do País no cenário internacional, por meio da participação em fóruns de padronização, da cooperação internacional em pesquisa, desenvolvimento e inovação e da internacionalização de soluções de IoT desenvolvidas no País.

O que o Plano Nacional das Coisas mudará nos cartórios

Após o Decreto, o plano é que a loT seja cada vez mais aprimorada e utilizada com segurança no cotidiano, principalmente nas indústrias e empresas. E, com certeza, os cartórios estão inclusões nessa era da inovação e devem estar abertos a novas possibilidades para melhorar os processos notariais e de registro por meio de soluções tecnológicas.

 

Confira outros conteúdos e entenda mais sobre tecnologias seguras e de qualidade para cartórios:

Atendimento do cartório: como aumentar a eficiência e produtividade

A convivência das novas tecnologias com o futuro do trabalho

Lei Geral de Proteção de Dados: como cartórios deverão se adequar

 

Fontes:

www.planalto.gov.br

Assespropr.org.br

Conjur

Canaltech.com.br

Tecnoblog.net