Solicite uma proposta

Quer saber mais sobre os produtos escriba? Nós entramos em contato:

×

5 Benefícios da tecnologia para a gestão do cartório

fevereiro 20th, 2020 notícia por

A tecnologia tem a função de simplificar a nossa vida. E no ambiente de trabalho não é diferente! Nos cartórios, a tecnologia tem o poder de auxiliar os profissionais tornando as atividades mais práticas e com maior qualidade.

Para a gestão notarial, a tecnologia também tem muito a oferecer! Confira alguns dos benefícios a seguir.

1. Automatização de processos

Uma das principais funções da tecnologia é automatizar tarefas, pois há muitos processos de trabalho que podem ser simplificados e executados por um software, como a construção de relatórios, disparo de e-mails recorrentes, dashboards para análises e backups.

2. Produtividade

Com a otimização dos processos de trabalho, o gestor ganha mais tempo útil para focar em outras atividades, aumentando a sua produtividade e também a eficácia das suas atividades.

3. Aumento do controle de qualidade

Por terem sido criados e configurados para desempenhar atividades específicas, computadores, tablets e outros gadgets estão menos sujeitos a erros do que o cérebro humano. Por isso, a tecnologia é uma excelente aliada para a alta qualidade dos trabalhos.

Softwares de gestão também estão entre os itens que permitem controlar, organizar e analisar o desempenho da equipe, dando informações privilegiadas para o gestor realizar mudanças e melhorias.

Para cartórios, existe o E-Indicadores, o software de gestão desenvolvido exclusivamente para a área notarial e registral. Seu objetivo é auxiliar na tomada de decisões, tornando o cartório mais produtivo, organizado e rentável.

Deseja conhecer o E-Indicadores? Fale conosco pelo e-mail negocios@escriba.com.br

4. Segurança da informação

Toda instituição precisa de uma infraestrutura de TI que garanta a segurança dos dados. Quando se trata de cartórios, a segurança das informações é ainda mais imprescindível, devido à responsabilidade de se proteger os dados dos cidadãos.

Conforme dita o Provimento nº 74/2018 da CNJ, os cartórios precisam contar com:

– Sistema de Backup em nuvem;
– Backup físico;
Servidor de redundância que permita a retomada do atendimento à população em até 15 minutos.

5. Disponibilidade de informações

Muitos softwares fornecem informações valiosas para os gestores do cartório, permitindo o acesso de pessoas específicas com total segurança e mecanismos de identificação de usuário.

Quer saber mais sobre como utilizar a tecnologia a favor do cartório? Confira outros conteúdos:

– Backup em nuvem ou físico para o cartório?
– A importância da segurança da informação nas transações financeiras do cartório
– Analítica aumentada: a tendência da análise de dados que pode ajudar o seu negócio